quarta-feira , 19 dezembro 2018

Mulher é espancada, torturada, esquartejada e tem corpo queimado após postagem que irritou o tráfico no RJ Ela postou uma mensagem sobre o tráfico de drogas e foi condenada pelos traficantes

Ela postou uma mensagem sobre o tráfico de drogas e foi condenada pelos traficantes

Sete pessoas foram denunciadas pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro por torturar, espancar e esquartejada uma mulher, moradora do Complexo do Caju, na Zona Norte do Rio, que postou uma mensagem sobre o tráfico de drogas.

De acordo com as investigações do Ministério Público, o responsável por ordenar a morte de Helen Alves de Oliveira foi o traficante Luiz Alberto Santos de Moura, conhecido como “Bob do Caju”, que teria dado a ordem de dentro da prisão.

Em fevereiro ela publicou uma mensagem dizendo que traficando armado em ponto de venda de drogas assume o risco de morrer em um confronto com policiais. A mensagem não agradou aos traficantes da área onde ela morava e, no dia 05 de março, ela foi espancada, torturada, esquartejada e teve o corpo queimado.

Além do “Bob do Caju”, outras seis pessoas foram denunciadas por homicídio duplamente qualificado por motivo torpe e impossibilidade de defesa da vítima, além do crime de ocultação de cadáver.


Mais do SFn