quarta-feira , 22 novembro 2017

Municípios do Noroeste e Sebrae discutem fortalecimento do turismo na região Além de Itaperuna, que já aparece no circuito turístico do Estado por conta do distrito de Raposo, o Sebrae/RJ identificou a potencialidade de outras cidades da região

Além de Itaperuna, que já aparece no circuito turístico do Estado por conta do distrito de Raposo, o Sebrae/RJ identificou a potencialidade de outras cidades da região

Festival do Vinho de Varre-Sai será reestruturado. Fotos: Divulgação

Com a economia baseada no comércio, na agricultura, na pecuária, entre outros, as cidades do Noroeste estão se atentando para o potencial do setor turístico da região. Na segunda semana de janeiro, o coordenador regional do Sebrae/RJ, Nelson Rocha Filho, se reuniu com representantes dos governos de Laje do Muriaé, Varre Sai e Itaperuna para traçar diretrizes e fazer um planejamento de ações que visam estruturar o turismo e movimentar a economia regional.

Em Itaperuna, o secretário de turismo do município apresentou uma demanda para traçar o perfil socioeconômico da sede e dos distritos. Segundo ele, com parcerias público-privadas seria possível a elaboração do estatuto do turismo, seu conselho e a criação do fundo de reserva do turismo, além de trabalhar este setor junto ao segmento do artesanato.

No município de Varre-Sai, que já tem o estudo de potencialidade turística, a equipe do Sebrae conversou com os secretários de turismo, educação e com a diretora de cultura. O objetivo é colocar em prática algumas ações já propostas no estudo. Como a reestruturação do Festival do Vinho e a implementação de projetos culturais sustentáveis que possam fomentar o turismo através das diversas manifestações tradicionais locais.

Já em Laje do Muriaé, o vice-prefeito e o secretário de governo se reuniram com o coordenador regional do Sebrae/RJ no Noroeste para discutir a elaboração do Estudo de Potencialidades Turísticas (EPT) do município.  O estudo avalia o conjunto de qualidades e capacidades locais para realização de atividades ligadas ao turismo, estabelecendo ações que dinamizam o setor e seus grupos organizativos, orientando-os na gestão, análise de investimentos e empreendedorismo.


Mais do SFn