sexta-feira , 18 outubro 2019

“Não teremos horário de verão este ano, está quase certo”, diz Bolsonaro O fim do horário de verão chegou a ser avaliado em 2017 pelo ex-presidente Michel Temer

O fim do horário de verão chegou a ser avaliado em 2017 pelo ex-presidente Michel Temer

Foto: Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro disse que este ano o Brasil não terá o horário de verão. O anuncio foi feito durante um café da manhã com jornalistas nesta sexta-feira (05/04). O presidente disse ainda que para o futuro, a tendência é que a mudança nos relógios seja eliminada do calendário do País. O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, está preparando estudos sobre o horário de verão.

O material será entregue para Bolsonaro, que decidirá em caráter definitivo pela continuidade ou não do horário de verão. O fim do horário de verão chegou a ser avaliado em 2017 pelo ex-presidente Michel Temer. Na época, o Ministério de Minas e Energia apontou que a economia gerada havia caído de R$ 405 milhões para R$ 159 milhões.

O objetivo do horário de verão é economizar energia elétrica, mas segundos alguns especialistas, a medida já não traz muita efetividade. No horário de verão, moradores dos estados do Sul, Sudeste, e Centro-Oeste adiantam o relógio em uma hora, retardando o início da noite e o acionamento de lâmpadas. Se for mantido este ano, o horário deve começar no dia 3 de novembro e terminar no dia 15 de fevereiro de 2020.

Mais do SFn