terça-feira , 22 outubro 2019

Natural de São Fidélis, nutricionista lança sementes de frutas e legumes às margens de rodovias da região Mesmo sabendo que as chances de que a semente germine são baixas, ela se sente feliz por contribuir para uma vida mais sustentável

Mesmo sabendo que as chances de que a semente germine são baixas, ela se sente feliz por contribuir para uma vida mais sustentável

Fotos: Arquivo pessoal

Imagine se as margens de algumas estradas da região fossem pomares ou hortas, com vários tipos de frutas e legumes disponíveis para qualquer um colher. Se depender da nutricionista Ana Maria Gandra Pinheiro de Azeredo, natural de São Fidélis, esse sonho pode até se tornar uma realidade. Inspirada em uma reportagem televisiva, que mostrava uma iniciativa realizada na Tailândia e Malásia, onde aviões estavam lançando sementes ao solo, ela começou a semear trechos às margens de algumas rodovias.

“Durante a semana ela vai juntando os caroços de tudo o que sobra e sempre que viajamos, ela pede para parar o carro e escolhe os lugares. Principalmente áreas que não serão capinadas ou passadas máquinas, para que as sementes germinem naturalmente” – relata o marido de Ana, Gildo Henrique. Ele conta que a esposa joga sementes de frutas e verduras como abóbora, milho, laranja, limão, manga, entre outras. “Mesmo sabendo que de cada 100 sementes jogadas apenas uma tem chance de germinar, ela se sente muito feliz por contribuir para uma vida mais sustentável” – afirma Gildo, que já comandou o Tiro de Guerra de São Fidélis e foi Secretário de Esportes do município em 1992. Atualmente, ele e Ana moram em Campos.

O casal já perdeu as contas de quantas sementes já foram lançadas às margens da RJ-158, entre Campos e São Fidélis, e também em outras estradas da região, como em Bom Jesus do Itabapoana e Farol de São Thomé. Além da iniciativa de aproveitar as sementes, que começou esse ano, Ana também realiza a compostagem – misturando cascas de legumes e verduras para fazer adubo – e faz palestras sobre nutrição em igrejas e creches.

Mais do SFn