Ninho com mais de 100 ovos de tartaruga é encontrado em praia de Macaé O ninho foi encontrado por um funcionário da secretaria de Ambiente e Sustentabilidade

O ninho foi encontrado por um funcionário da secretaria de Ambiente e Sustentabilidade

Fotos: divulgação

Um ninho com 109 ovos rompidos de tartaruga Cabeçuda e seis filhotes vivos presos na toca foram encontrados na praia do Parque da Restinga, do Barreto, em Macaé. O ninho foi encontrado por um funcionário da secretaria de Ambiente e Sustentabilidade (Sema) na manhã desta segunda-feira (19), por volta de 7h30.

O caminho dos seis filhotes até o mar foi acompanhado pelos servidores do parque, da Guarda Ambiental e do Setor de Fauna da Sema. De acordo com o biólogo Henrique Abrahão Charles, coordenador do parque, os animais poderiam ter sido vítimas de predadores naturais como caranguejos Maria Farinha. “Este é o primeiro registro de ninhada de tartaruga na praia do Barreto”, conta.

Esta espécie percorre quase o mundo todo, desde os mares da África até a costa da Índia. Se alimentam de crustáceos (os adultos). Têm mandíbulas fortes. Na natureza, atingem os 60 anos. No Brasil, o maior inimigo dessa tartaruga, conhecida cientificamente como Caretta Caretta, são as redes de pesca.

Para comunicar situações como essa, as pessoas podem contactar a Sema pelo telefone 2762-4802. Madson é enfático: “Não adianta levar para casa e tentar domesticar essas tartaruguinhas porque são de água salgada e se alimentam de algas. Se não as devolverem para o mar, morrerão”, finaliza.


Mais do SFn