Novos membros do Conselho Tutelar tomam posse em São Fidélis Nova formação do Conselho Tutelar terá pela primeira vez apenas mulheres como conselheiras; cinco homens compõem o grupo dos suplentes

Nova formação do Conselho Tutelar terá pela primeira vez apenas mulheres como conselheiras; cinco homens compõem o grupo dos suplentes

Fotos: SF Notícias

Órgão responsável por garantir os direitos das crianças e adolescentes, o Conselho Tutelar vai iniciar 2020 com uma nova equipe, pela primeira vez formada apenas por mulheres no município de São Fidélis, Norte Fluminense. Em outubro de 2019, cerca de 4.030 moradores foram às urnas para escolher os cinco membros do Conselho, além dos cinco suplentes, que vão atuar entre 2020 e 2023. Ao todo, 27 pessoas concorreram. Nessa sexta-feira (10/01), tomaram posse as conselheiras Ruth Lopes, Fabrícia dos Santos (de Mikey), Mirelly Brito, Vanessa Rifan e Durcilanda Carvalho (Tia Nanda), e os suplentes Antônio Marcos Braga (de Valão dos Milagres), Victor Altino, Marcos Dias, Douglas Soares e Marcelo Carlos Lopes (Theo do Barreiro). A cerimônia de posse foi realizada na sede do Ministério Público no município (Continua após a publicidade)

Ruth Lopes foi reeleita e a candidata mais votada

Estiveram presentes, além do presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Marcelo Brito, o prefeito Amarildo Alcântara, o vice-prefeito José Willian, a presidente da Comissão Eleitoral do processo de escolha dos conselheiros tutelares, Michelly Mota, a promotora Dra. Patrícia Brito, o reitor da Faculdade CENSUPEG, Fabrício Bruno Cardoso, secretários, entre outras autoridades e membros da sociedade. Em sua fala, a promotora ressaltou a importância do Conselho Tutelar: “A missão institucional do Conselho Tutelar é prevista no Estatuto da Criança e do Adolescente, e visa representar a sociedade na salvaguarda dos direitos da população infanto juvenil. Entre suas atribuições temos inúmeras, inclusive aquelas relacionadas a aplicação de medidas de proteção, como, por exemplo, encaminhamento de crianças e adolescentes aos pais e responsáveis, aplicação de medidas de apoio e acompanhamento, requisições de matrículas em instituições de ensino, requisições de atendimento médico e psicológico. Dentre essas inúmeras atribuições verifica-se a importância da atuação efetiva do Conselho Tutelar para a sociedade fidelense” – disse. (Continua após a foto)

O prefeito Amarildo Alcântara parabenizou os conselheiros que deixaram o cargo e também os eleitos. “O trabalho é árduo. Não vai ser fácil, mas quero falar que a prefeitura, com todo o secretariado, vai caminhar junto com vocês. Sempre que precisarem podem procurar cada secretário, vocês têm a prefeitura lado a lado com vocês” – afirmou. Já o presidente do CMDCA agradeceu os conselheiros que estão saindo pelo trabalho realizado, destacando que os conselheiros que estão chegando podem contar com o CMDCA. Além de parabenizar os conselheiros, o gestor da Faculdade CENSUPEG também colocou o grupo de pesquisa da instituição à disposição do Conselho, para somar o trabalho dos mesmos.

Mais do SFn