operação ambiental 2

Operação da Polícia Ambiental fecha cinco pontos de extração ilegal de areia

operação ambiental 3
Fotos: 3ª UPAm

Cinco pontos de extração ilegal de areia foram fechados pela Polícia Ambiental em uma operação realizada pela 3ª Unidade de Policiamento Ambiental do Parque Estadual do Desengano (3ª UPAm). A operação aconteceu nesta sexta-feira (15/04) em dois municípios do Noroeste Fluminense. Cinco pessoas foram detidas e encaminhadas para as delegacias.

Na estrada da Cachoeira do Norte, em Comendador Venâncio, no município de Itaperuna, os policiais encontraram três pontos de extração de substancia mineral no Rio Muriaé. Os três pertencem ao mesmo proprietário. No primeiro ponto foi encontrada uma balsa flutuante que estava extraindo areia no momento em que os policiais chegaram.

No segundo ponto, eles encontraram uma máquina do tipo pá carregadeira, uma torre de metal usada para escoar a areia extraída e certa quantidade de areia armazenada, não existindo balsa extratora. Já no terceiro, foi encontrada uma balsa extratora, uma pá carregadeira, certa quantidade de areia armazenada e um caminhão com 14 metros cúbicos de areia, sem nota fiscal.

operação ambiental 1Três homens – um de 29, outro de 64 e um de 68 anos – foram detidos e encaminhados para 143ª Delegacia Legal de Itaperuna, onde a ocorrência foi registrada.

Outros dois pontos foram fechados no município de Laje do Muriaé, sendo o primeiro na Fazenda do Tanque, localizado na Chácara do Cruzeiro, e o segundo na Fazenda Barro Branco. Nos dois pontos foram encontradas balsas extratoras que não estavam em funcionamento, e certa quantidade de areia armazenada nelas.

Ainda de acordo com os policiais, os proprietários não apresentaram todos os documentos necessários para o funcionamento da extração. Dois homens – um de 47 e outro de 48 anos – foram encaminhados para a delegacia do município, onde o caso foi registrado. Todos os locais serão periciados por equipes do Posto Regional de Polícia Técnica Científica (PRPTC) de Itaperuna.

operação ambiental 4

SFn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *