sábado , 10 dezembro 2016
passagem-da-tocha

Opinião. Você vai ver a tocha passar?

Fotos Ivo Lima / Globo Esporte / Antônio Cruz
Fotos Ivo Lima / Globo Esporte / Antônio Cruz

A menos de quinze dias dos Jogos Olímpicos, a população brasileira está dividida entre apoiadores do evento e aqueles que o rejeitam. Populares em todo Brasil têm aproveitado o revesamento da Tocha Olímpica para protestarem mostrando a insatisfação maciça da sociedade com o cenário atual do país e dos seus respectivos municípios.

Mas esse protesto é valido? A revolta contra o Símbolo Olímpico resolverá alguma coisa?  A Tocha e os jogos são os inimigos reais? Que mensagem estamos passando para o mundo com essas atitudes?

A Chama Olímpica

A chama passou a ser acesa com a corrida da tocha na abertura dos jogos, em Berlim 1936. A primeira tocha foi carregada por 3000 corredores até o estádio olímpico de Berlim, tudo foi calculado para que a chegada coincidisse com o exato momento da festa.

O ritual foi criado para estabelecer um elo entre os jogos da antiguidade e os jogos contemporâneos. A chama olímpica representa a pureza da eterna juventude olímpica. Serve de elo entre o berço das Olimpíadas na Grécia e as cidades-sede, dos jogos contemporâneos.

A tocha olímpica é acesa em uma cerimônia nas ruínas de Olímpia na Grécia. Raios de sol refletidos por um espelho dão origem à chama. Mulheres vestindo túnicas no estilo grego antigo conduzem todo o ritual e passam a tocha ao primeiro corredor. A tradição é mantida desde os Jogos de 1952 em Helsinque.

Momento Histórico

Os jogos 2016 é a primeira Olimpíada realizada na América do Sul em toda a história. Cidades como São Fidélis, Itaocara, Cordeiro, Friburgo, Macaé e Campos dos Goytacazes, provavelmente nunca mais receberão o fogo olímpico. Este momento é histórico e único, único para os idosos, único para as crianças, únicos para todos os cidadãos e particularmente especial para aqueles atletas, cidadãos que foram escolhidos para carregar esta tradição milenar em suas mãos.

O poder de estragar isso tudo

Tudo isso, toda essa história, toda esta emoção está prestes a ser destruída por culpa exclusiva de nossos políticos e governantes, que por suas más administrações, corrupção, pela falta de cuidado e responsabilidade com a população, colocaram nossa nação e nossas cidades em estado de calamidade. A falta de saúde, educação e segurança é normal e comum a todos os lugares, e a “crise” resultada pela corrupção desenfreada suga os recursos que dariam dignidade a todos os brasileiros.

Se eu vou ver a tocha passar? Sim, eu vou. E vou fotografar, prestigiar e contar no futuro que eu tive a oportunidade de viver um momento histórico. Meu protesto não vai ser apagar a tocha, meu protesto vai ser apagar da história políticos que não merecem estar no poder. Minha arma vai ser o meu voto!

apagar-tocha2

SFn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *