segunda-feira , 5 dezembro 2016
reunião 4

Órgãos públicos buscam solucionar problemas envolvendo crianças e adolescentes em São Fidélis

reunião 2
Fotos: SFnotícias

Representantes do Conselho Tutelar, Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), da 4º Companhia de Polícia Militar e da Guarda Municipal de São Fidélis estiveram reunidos para formar uma parceira que busca solucionar ou diminuir os casos envolvendo menores de idades e adolescentes no município, como o tráfico de drogas e o abuso sexual.

O objetivo dessa reunião é formar uma parceria em cumprimento ao plano decenal de medidas sócio-educativas, que busca impedir o aumento de crianças envolvidas com o crime ou em outras situações.  No primeiro encontro estiveram presentes os representantes do CREAS, CRAS, Casa Abrigo, Secretaria de Saúde, Assistência Social Jurídica, Comissário da Infância e Judiciário. Já nesta segunda reunião, o projeto foi apresentado aos representantes dos órgãos de segurança pública do município.

Em entrevista ao SFnotícias, o presidente do Conselho Tutelar, Antônio Marcos de Oliveira Braga, e a coordenadora do CREAS, Daniela Almeia, informaram que o projeto pretende despertar na comunidade quais são as responsabilidades de cada órgão, e formar parcerias para informar a comunidade de seus direitos e deveres em relação à criança e ao adolescente, inclusive na questão de educação no trânsito, que será feito um trabalho de educação. reunião 3Após esse trabalho, a Polícia Militar vai estar atuando e punindo os responsáveis que andam com crianças na garupa de moto sem nenhuma segurança, com a criança vulnerável a acidentes.

“Todo município tem que apresentar um plano decenal. Esse núcleo de educação pais e filhos é uma resposta que nós propusemos a esse projeto. A gente quer fazer um trabalho que abranja todo o município. Queremos ajudar a resgatar essas crianças. Queremos capacitar e devolver as famílias o direito de educar os filhos, mas pra isso, precisamos da ajuda da família”, disse Daniela.

O projeto foi elaborado pelo Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) e pelo Conselho Tutelar. O comandante da 4º Companhia de Polícia Militar informou que as ações serão intensificadas.

SFn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *