sexta-feira , 22 novembro 2019

Padre Gaspar, pároco da Igreja de Nossa Senhora e S. Fidélis, completa 20 anos de ordenação sacerdotal À frente da Paróquia há cinco anos, o padre tem reunido milhares de fiéis com o Terço dos Homens, Terço das Mulheres, cavalgadas da Padroeira e com a Bike Romaria

À frente da Paróquia há cinco anos, o padre tem reunido milhares de fiéis com o Terço dos Homens, Terço das Mulheres, cavalgadas da Padroeira e com a Bike Romaria

Fotos: Divulgação

Natural do município de Varre-Sai, no Noroeste Fluminense, mas já acolhido como cidadão fidelense, o Padre Gaspar Pelegrini comemora nesta quinta-feira (12/09), 20 anos de Ordenação Sacerdotal. À frente da Paróquia de Nossa Senhora Aparecida e São Fidélis há cinco anos, tendo assumido como Pároco em julho de 2014, o padre tem reunido milhares de fiéis com projetos dentro e fora da Igreja. “Em realidade eu nunca quis ser outra coisa. Desde bem pequeno mesmo que eu quis ser padre. Eu enrolava num lençol, cortava rodelinhas de banana e “celebrava” a missa” – relembra o sacerdote.

O padre relata que vem de uma família grande, com onze irmãos, sendo 10 homens. Um deles até chegou a ser seminarista, mas por pouco tempo. Em 15, desses 20 anos de vida sacerdotal, Padre Gaspar trabalhou como Reitor do Seminário, em Campos. A primeira paróquia assumida por ele foi em São Fidélis. Na “Cidade Poema”, o padre idealizou diversos projetos, como o Terço dos Homens e das Mulheres, que levou cerca de 4 mil pessoas às ruas em um dos encontros, em 2015; As cavalgadas de Nossa Senhora Aparecida, evento tradicional na cidade, que reúne centenas de cavaleiros e amazonas de toda a região; Além da Bike Romaria até o Santuário Nacional de Aparecida, em São Paulo. No ano passado, o padre e outros 10 fiéis percorreram os 500 km até Aparecida em cinco dias (Relembre AQUI). Já neste ano, além de irem pedalando até o Santuário, o grupo também voltou para São Fidélis sobre duas rodas. (Veja AQUI)

“O povo de São Fidélis tem uma grande capacidade abraçar projetos e acolher iniciativas. Grande parte da vida de nossa Paróquia se deve a esta qualidade dos fidelenses. Foi assim com o Terço dos Homens, o Terço das Mulheres, as Cavalgada da Padroeira, a Bike Romaria, mas também nas atividades “rotineiras” da Paróquia. Sinto-me muito feliz por até hoje, ter recebido o apoio e engajamento de todos em tudo que propus à comunidade. Destaco também o carinho com as pessoas que acolhem o padre nas visitas aos bairros por ocasião do tempo do Natal. O carinho e o espírito de fé compensam o calor e o cansaço destas visitas” – disse o padre. O aniversário de sacerdócio será celebrado com missa a partir das 19h na Paróquia, com abertura do Mês da Padroeira, com bênção das Bandeiras de Nossa Senhora que visitarão as casa na cidade e na zona rural.

Mais do SFn