terça-feira , 21 novembro 2017

PEN propõe ação de Improbidade Administrativa contra prefeito de São Fidélis O partido também pede a exoneração do ex-prefeito Davi Loureiro do cargo de secretário de governo

O partido também pede a exoneração do ex-prefeito Davi Loureiro do cargo de secretário de governo

Fotos: SF Notícias

O Partido Ecológico Nacional (PEN), através do seu presidente que foi candidato ao cargo de prefeito nas últimas eleições, Nelson Ferreira, protocolou no Ministério Público de São Fidélis uma representação contra o prefeito Amarildo Alcântara, devido a nomeação do ex-prefeito para o cargo de secretário de governo.

O PEN pede a exoneração imediata de Davi Loureiro com base a Lei Municipal 1.315 de 14 de março de 2012 que veda a nomeação e contratação para cargo em comissão de pessoas que encontram-se inelegíveis para condições de candidatura por atos de improbidade administrativa. A representação pede ainda que seja proposta Ação de Improbidade Administrativa contra Amarildo Alcântara, pela nomeação que é impedida por lei municipal.

Em nota, a assessoria de imprensa da Prefeitura de São Fidélis informou que o setor jurídico esta analisando o caso e que irá se pronunciar em breve.


Mais do SFn