quinta-feira , 8 dezembro 2016
4

“Phagein”: Filme de terror dirigido por fidelense será lançado em breve

1
Fotos: Divulgação.

Está previsto para ser lançado no ano que vem o filme “Phagein”, um curta-metragem dirigido pelo fidelense Daniel Jorge Almeida, formando de cinema no campus João Uchoa da Universidade Estácio de Sá, no Rio de Janeiro.

“Phagein” é um filme do gênero de terror, no estilo tradicional do cinema nos quesitos montagem e enquadramento, com alguns elementos do estilo “Found Footage”, onde o diretor tenta passar o filme como sendo real, com imagens capturadas por uma câmera de mão como se fossem verdadeiras. Além do diretor, outros dois fidelenses estão na equipe de produção, que conta com um total de 24 pessoas: Thiago Setubal, que hoje reside em Cambuci e trabalhou na parte elétrica, e Felipe Batista, que mora em São Fidélis e foi assistente de produção.

– A ideia surgiu há mais ou menos dois anos atrás, em uma aula prática que eu estava tendo de roteiro. Sempre fui fascinado pelo estilo “Found Footage” e pelo gênero de terror/horror, e vi que no Brasil esse gênero não é constantemente produzido. Temos alguns nomes brasileiros do terror/horror nacional como o Joel Caetano, Mojica (Zé do Caixão), Petter Baiestorf e Rodrigo Aragão. Esse último, tive o prazer de conhecer pessoalmente em um workshop de efeitos. – disse o diretor.

O curta gira entorno de um grupo que pratica assassinatos a mando de clientes que sentem prazer ao vê-los. Eles filmam e fazem o que os clientes quiserem. Apesar de assustador, não é uma violência gratuita, tendo uma trama por trás do sangue jorrado na tela, inclusive algumas brincadeiras relacionadas ao feminismo e ao machismo. Filmes como “Cannibal Holocausto”, “Jogos Mortais”, “O Albergue”, entre outros, serviram como referências para a história e a estética visual de “Phagein”, além de alguns acontecimentos reais.

2As etapas de pré-produção e filmagem já foram concluídas. Antes do lançamento, estão sendo feitos os últimos ajustes da pós-produção, com toques na edição e nos efeitos digitais, sound design, mixagem de som e cor do filme. “Phagein” deve ser apresentado inicialmente no começo de 2016, em festivais pelo Brasil e também fora do país. Após este período, o diretor espera realizar ações em São Fidélis, visando divulgar seu trabalho e também fazer com que renasça a influência do cinema na cidade.

– A demora para ser lançado se deve ao fato de muitos dos festivais não aceitarem filmes que não sejam inéditos, ou seja, não pode ter nem em mídia física, como dvd/bluray, nem na internet. Tenho a intenção de fazer uma sessão em São Fidélis, com ou sem apoio da prefeitura, nem que eu consiga um projetor e faça essa projeção na parede mesmo. Não só o meu filme, é claro, mas também outros curtas dos quais eu tenho acesso. Acho que a cidade é muito carente da chamada Sétima Arte. Lembro das histórias da minha avó, que é fidelense, sobre o antigo cinema, onde hoje funciona a Igreja Universal. A minha maior vontade é fazer uma espécie de festival de cinema em São Fidélis, mas isso não depende só de mim. Após o filme rodar pelos festivais, o mesmo vai ser comercializado em Bluray/DVD, com making-off de toda a produção, e também disponibilizado gratuitamente na internet. – contou Daniel.


3
O diretor:

Antes de dirigir “Phagein”, Daniel Jorge Almeida já participou de algumas produções nos quatro anos que trabalha na área, como outros curta-metragens, uma série e trabalhos para produtoras via freelancer. Porém, este será seu primeiro trabalho efetivamente como produtor, diretor e uma parte do roteiro.

– Minha história foi roteirizada novamente por outra pessoa que também foi meu assistente de direção e um grande amigo meu, Mauricio Duarte. Minha expectativa, sinceramente, que as pessoas ao final da sessão estejam angustiadas e reflitam logo após digerir tudo. Sem dúvida, o que eu mais quero é ver a reação das pessoas ao assistir. Se o meu assistente de produção (Felipe Batista) não aguentou ficar em set, mesmo vendo como eram feito os efeitos, imagina quem vai assistir. – finalizou Daniel.

 

Confira o trailer de “Phagein”:

unnamed

SFn