PM salva jovem que estava com criança de execução, em Campos Mulher foi agredida a mando do companheiro que está preso e seria morta

Mulher foi agredida a mando do companheiro que está preso e seria morta

Fotos: SF Notícias

Policiais militares salvaram uma jovem de 18 anos de ser morta a mando do companheiro, que está preso, em Campos. O caso aconteceu nesta sexta (13), no Parque Santa Helena.

A mulher foi até a casa onde morava com o homem no Santa Helena, acompanhada do sobrinho de apenas três anos, para pegar o cartão de vacina de seu filho.

No local, foi agredida por suspeitos que teriam ligação com o tráfico. A agressão teria sido a mando do companheiro da mulher e o motivo seria porque ela fez uma tatuagem com o nome do filho e não fez com o nome do marido.

Os agressores estariam aguardando a ordem do homem para matá-la, mas a Polícia Militar chegou ao local. A jovem foi encaminhada com ferimentos para o Hospital Ferreira Machado (HFM) e o caso registrado na 146ª Delegacia.


Mais do SFn