sexta-feira , 22 novembro 2019

PMs realizam sonho e transformam aniversário em noite inesquecível para criança em Pádua Yan Silva Peres ganhou uma baita surpresa durante a sua festinha de aniversário. O paduano, que completou seis anos no último dia 13, recebeu em sua casa a guarnição do Patamo do 36º BPM

Yan Silva Peres ganhou uma baita surpresa durante a sua festinha de aniversário. O paduano, que completou seis anos no último dia 13, recebeu em sua casa a guarnição do Patamo do 36º BPM

A emoção tomou conta do pequeno Yan Silva Peres, que ganhou uma baita surpresa durante a sua festinha de aniversário. O paduano, que completou seis anos no último dia 14, recebeu em sua casa a guarnição do Patamo do 36º BPM. Os policiais estavam de plantão fazendo um patrulhamento pelo bairro Tavares quando foram abordados pela mãe do Yan. Mariana Silva Pires contou ao SF Notícias que pediu aos militares que fossem tirar uma foto com o menino. Os militares atenderam ao pedido e foram promover a felicidade, realizando o sonho de uma criança que é apaixonada pela Polícia Militar. “Eu fiquei emocionada! Ele queria uma festa de polícia. Rodamos tudo, mas não achamos nada. Então improvisamos tudo pra ele. Os olhinhos dele brilhavam de tanta alegria a hora que ele viu a viatura. Ele ficou feliz demais”, disse a mãe. “Nosso pequeno amigo, traz consigo desde pequeno a esperança de seguir pelo caminho do bem”, diz a postagem sobre a festa feita na página do 36º Batalhão de Polícia Militar.

O bolo, as sacolinhas surpresa. Tudo tinha a cor da Polícia Militar. Tinha até banner com fotos de Yan em uma moto elétrica da polícia. A farda, Mariana disse que era do irmão de Yan. “Ele usou em uma festa a fantasia e eu guardei. Não conseguimos fazer uma igual a da PM daqui porque não deu tempo. Foi tudo em cima da hora”, contou ela. Segundo a mãe, uma semana antes da data de aniversário Yan pediu a uma tia que o levasse para conhecer o batalhão da PM de Santo Antônio de Pádua. Yan gostou tanto que ‘bateu o pé’ e decidiu “Eu quero uma festa de polícia“. Ainda segundo Mariana, como ela não achava nada sobre o tema nas lojas do município, ela conversou com filho: “Escolhe outro tema Yan. Não tem nada de polícia“. Mas, Yan não abriu mão. “Ele chorou e disse: ‘quero de Polícia’“- lembra a mãe.

Segundo a mãe, os policiais colocaram o menino no carro e saíram para dar uma volta na rua com ele. “Eu fiquei tão feliz em ver meu filho feliz que não sabia nem o que fazer. Fiquei realmente realizada. É muito bom a gente ver o filho da gente assim né. Emocionei em ver ele chegando com os policiais. Ele ficava mandando os policiais cruzarem os braços e fazer continência”. Ainda segundo a mãe, Yan fica observando as viaturas passando pela rua onde mora todos os dias. “Ele fica todo feliz; contagiado. Coisas de crianças né“, concluiu Mariana.

Mais do SFn