Polícia Ambiental encontra lixão irregular em Aperibé Além de acúmulo de diversos materiais, policiais também encontraram uma prensa

Além de acúmulo de diversos materiais, policiais também encontraram uma prensa

Fotos: Polícia Ambiental

Policiais militares lotados na Unidade de Policiamento Ambiental do Parque Estadual do Desengano encontraram um lixão irregular no bairro Palmeiras, em Aperibé. O local foi encontrado após informações passadas pelo Linha Verde, programa do Disque Denúncia do Rio específico para denunciar crimes ambientais.

Segundo os policiais da 3ª UPAm, a denúncia do Linha Verde os encaminhou à Rua Francisco Faria, onde foi observado o acúmulo de diversos materiais como garrafas pet e caixas de leite dentro de sacolas, além de uma prensa usada para reciclar todo o material. Quando identificaram o responsável pelo lixão, o mesmo informou que não possuía nenhuma autorização ambiental para exercer a atividade. Desta forma, baseados no artigo 60 da Lei de Crimes Ambientais, os policiais se dirigiram à 136ª DP, onde a ocorrência foi registrada.

Vale reforçar que a população de todo o Estado do Rio pode continuar denunciando qualquer crime contra o meio ambiente através dos telefones 0300 253 1177 (custo de ligação local), (21) 2253 1177 ou ainda pelo aplicativo para celulares “Disque Denúncia RJ”, onde o denunciante pode encaminhar fotos e vídeos, sempre com a garantia do anonimato.


Mais do SFn