quarta-feira , 20 fevereiro 2019

Polícia Ambiental encontra mais uma área de desmatamento em Itaocara Parte da vegetação foi destruída, onde foram arrancadas diversas árvores com características de nativas, em estágio inicial, médio e avançado de regeneração, localizadas em área considerada de preservação permanente, por ser próximo a um curso d'água e uma lagoa natural

Parte da vegetação foi destruída, onde foram arrancadas diversas árvores com características de nativas, em estágio inicial, médio e avançado de regeneração, localizadas em área considerada de preservação permanente, por ser próximo a um curso d'água e uma lagoa natural

Fotos: 3ª UPAm

Policiais da 3ª Unidade de Polícia Ambiental do Parque do Desengano (3ª UPAm) encontraram mais uma área de desmatamento no município de Itaocara. A área fica em um loteamento na RJ-116, no bairro Bocaina.

Segundo a Polícia Ambiental, uma guarnição foi ao local para cumprir uma ordem de policiamento e encontrou um loteamento de sete hectares, sendo que em dois deles, foi feito abertura de ruas e destruição de parte da vegetação, onde foram arrancadas diversas árvores com características de nativas, em estágio inicial, médio e avançado de regeneração, localizadas em área considerada de preservação permanente, por ser próximo a um curso d’água, o Córrego Santo Antônio, e uma lagoa natural.

Os proprietários do loteamento não foram encontrados pelos policiais, mas o caso foi registrado na 135ª Delegacia Legal de Itaocara. O local será periciado pela Polícia Civil.

Você pode ajudar a polícia no combate aos crimes ambientais, basta fazer uma denúncia para o Programa Linha Verde, o Disque Denúncia do Meio Ambiente, através do telefone 0300-2531177.


Mais do SFn