sábado , 25 fevereiro 2017

Polícia Civil conclui inquérito e prende quadrilha acusada de latrocínio em Monnerat

homicidio duas barras

A Polícia Civil de Duas Barras prendeu uma mulher acusada de fazer parte da quadrilha que cometeu o latrocínio na noite do último domingo (14/08) em Monnerat. Os policiais também apreenderam a arma usada no crime.

O crime

Naquele dia,  Jovenilton Estevão Santana, de 54 anos, e sua namorada, de 39 anos, foram surpreendidos pro criminosos armados e encapuzados que estavam em um Fusca preto com a placa coberta. A namorada de Jovenilton contou que ele tentou  arrancar com o seu carro para fugir, mas foi baleado. O corpo dele foi retirado do veículo pelos suspeitos e jogado no mato.

A namorada de Jovenilton contou ainda que foi abusada sexualmente e agredida com coronhadas. Ela foi deixada na localidade conhecida como “Linha”, que fica entre Monnerat e o município de Cordeiro.

As primeiras prisões

No dia 16, dois jovens foram presos acusados de participação no crime. Após denúncias anônimas, policiais da 2º e 3º Companhia encontraram o carro que pertencia a  Jovenilton, um Gol de cor prata, que estava na zona rural de Cantagalo. swdfghjkjliEm seguida os PMs foram até o bairro Manancial, em Cordeiro, onde encontraram os acusados. Um deles, conhecido como “Chouriço”, de 26 anos, atirou contra os policiais e se escondeu em uma mata. De acordo com o subtenente Fernandes e os soldados Dos Anjos, Lacerda e Ricardo, “Chouriço” foi sdfghjgjghjkghkencontrado horas depois em uma casa no bairro. Com ele foi encontrado 19 pequenos tabletes maconha.

O outro acusado foi identificado como “Bandão”, de 27 anos. Ele possui passagens por porte ilegal de arma de uso restrito, tráfico de drogas e homicídio, o qual ocorreu em São Gonçalo. Ambos confessaram participação no crime. O carro usado por eles, um Fusca preto, também foi encontrado.

“Chouriço” e suspeito de participação no assalto ocorrido no último dia 09 na casa do ex-vice-prefeito de Cordeiro. Na ocasião, a esposa de Devair Torres De Almeida foi agredida com coronhadas.

derftgyhujikolpApreensão de armas

Ontem, policiais de Cordeiro apreenderam duas armas que podem ter sido usadas no crime. Elas estavam em uma residência na Rua Romualdo Lopes, no bairro Manancial, imóvel que pertence ao tio de “Babão”. Uma das armas, uma espingarda de calibre 44, é de uso restrito de forças armadas. O proprietário da casa foi preso e encaminhado para a delegacia.

Mulher presa

Policiais civis de Duas Barras prenderam a namorada de “Babão”. Ela é acusada de participação no crime. Já na casa do avó de “Babão”, no bairro Manancial, em Cordeiro, os policiais encontraram um revólver de calibre 22, usado para matar  Jovenilton. Também foram encontrados 118 sacolés de cocaína.

sqerdfjkouiipio

SFn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *