sexta-feira , 24 novembro 2017

Polícia Civil divulga foto dos acusados de estupro em São Fidélis

foragidos
Fotos: Polícia Civil / Arquivo SF Notícias

O setor de inteligência e investigação da 141ª Delegacia de Polícia Civil de São Fidélis, divulgou a foto dos dois jovens que estão sendo procurados acusados de terem participado de um estupro coletivo praticando contra uma jovem de 18 anos de idade, que na época do ocorrido, tinha 17 anos de idade.

O crime aconteceu na manhã de domingo(28) de setembro  em um motel às margens da RJ 158 na localidade conhecida como Graminha em São Fidélis. O caso teria acontecido por volta das 5h da manhã, e durado cerca de uma hora. Dos quatro jovens acusados de terem praticado o estupro, dois deles identificados como  Igor de Souza Guedes e Iago Porto Rodrigues, já estão presos desde o dia 28, e outros dois identificados como Gabriel Guimarães Palagar, de 30 anos, e Davi Dias Martins Filho, de 23 anos, estão sendo procurados pela polícia.

Segundo informações da Polícia Civil, foram expedidos pela justiça mandados de prisões contra os dois jovens, e eles já são considerados foragidos da justiça. O caso foi registrado na delegacia de São Fidélis e encaminhado para a 134ª DP no centro de Campos, que estava responsável pelo plantão naquele dia, mas todo o processo retornou para a 141ª Delegacia Legal de São Fidélis, que investiga o caso. Ainda de acordo com a Polícia Civil, Igor e Iago se recusaram a falar em depoimento na DP, alegando que só irão falar em juízo.

Relembre o caso 

foragido 1No dia seguinte ao estupro, a vítima foi encaminhada por uma guarnição da Polícia Militar para a 141ª Delegacia Legal, que investiga o caso. Em depoimento na delegacia a vítima disse que ao sair de uma festa, ligou para um amigo pedindo carona até a sua residência, e que na hora que esse amigo chegou para busca-lá, outros três homens estavam dentro do veículo.

Segundo informações obtidas por nossa equipe junto ao setor de investigações da Polícia Civil, a vítima que era menor de idade na época, disse que o motorista começou acelerando o veículo e seguindo numa direção contrária a sua casa. A vítima teria perguntado ao amigo para onde eles estavam indo, e um dos jovens teria dito que eles iriam buscar uma coisa em um certo local, mas que não iam demorar.

foragido 2A vítima disse ainda que um dos jovens que estava sentado no banco de trás do veículo, pegou uma arma e passou para o motorista. A vítima disse ainda que foi ameaçada de morte caso gritasse e não fizesse o que eles mandassem, e que dentro do quarto do motel, teria sido agredida.  A menina que hoje já possui 18 anos de idade, foi deixada pelos jovens no bairro Cristo Rei, e seguiu até a casa de uma mulher que ela pagou para tomar conta de sua filha durante a noite, onde acionaram a Polícia Militar, que encaminhou a adolescente para o Hospital Armando Vidal no centro da cidade e em seguida, para a delegacia.

A arma citada pela vítima não foi localizada. A polícia pede para quem tiver alguma informação entrar em contato com a delegacia através do telefone (22) 2758-1317. O anonimato é garantido.

POL[ICIA CIVIL 3


Mais do SFn