Polícia cumpre mandados em Friburgo durante operação contra fraudes na saúde São 11 mandados de prisão e 44 de busca e apreensão que estão sendo cumpridos em quatro cidades do RJ, além dos estados de Paraíba e Goiás

São 11 mandados de prisão e 44 de busca e apreensão que estão sendo cumpridos em quatro cidades do RJ, além dos estados de Paraíba e Goiás

Fotos: arquivo SF Notícias

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio do Grupo de Atuação Especializada no Combate à Corrupção (GAECC/MPRJ), deflagrou nesta sexta-feira (14/12) a “Operação Calvário” com o objetivo de cumprir mandados de prisão preventiva contra o empresário Daniel Gomes da Silva e outras 10 pessoas acusadas de desviar ao menos R$ 15 milhões de recursos públicos em contratos firmados junto a unidades de saúde.

Ao todo, 22 pessoas que integram a organização criminosa foram denunciadas junto à 42ª Vara Criminal pelos crimes de organização criminosa, peculato e lavagem de dinheiro. Além dos 11 mandados de prisão, serão cumpridos 44 de busca e apreensão por agentes da Coordenadoria de Segurança e Inteligência (CSI/MPRJ), com o apoio da Delegacia Fazendária (DELFAZ/Polícia Civil), da Polícia Federal, do GAECO do Ministério Público da Paraíba e do Ministério Público de Goiás.

Os mandados estão sendo cumpridos na capital, em Duque de Caxias, Itaboraí, Nova Friburgo, além dos estados de Paraíba e Goiás. Os presos estão sendo levados para a Cidade da Polícia.


Mais do SFn