terça-feira , 25 setembro 2018

Polícia identifica um dos suspeitos de assassinar comandante do 3º BPM, no Rio Uma megaoperação está sendo realizada para prender os envolvidos na morte do coronel

Uma megaoperação está sendo realizada para prender os envolvidos na morte do coronel

Carro em que o comandante estava foi atingido por mais de 10 tiros. Fotos: Reprodução

Foi identificado nesta sexta-feira (27/10) pela Polícia Civil do Rio de Janeiro um dos autores dos tiros contra o carro onde estava o coronel Luiz Gustavo Teixeira, comandante do 3° Batalhão da Polícia Militar do Méier. O policial estava em um carro descaracterizado que foi atingido por ao menos 17 tiros.

O comandante chegou a ser socorrido e encaminhado para o Hospital Salgado Filho por uma viatura. Ele passou por uma cirurgia, mas não resistiu. A possibilidade de execução foi descartada pela Divisão de Homicídios do Rio.

Matheus do Espírito Santo Severiano, de 22 anos, da comunidade da Barreira, foi apontado como sendo um dos autores da morte. Ele deixou a prisão em junho desse ano. O disque-denúncia ofereceu recompensa de R$ 5 mil por informações.

Os criminosos teriam saído do carro em que estavam para realizar roubos e ao verem o comandante fardado começaram a atirar. Uma megaoperação com cerca de 300 policiais de vários batalhões está sendo realizada na região em busca dos suspeitos.


Mais do SFn