terça-feira , 21 novembro 2017
Foto: divulgação

Policiais civis, peritos e agentes penitenciários entram em greve em todo o Estado

Fotos: SF Notícias

Em assembleia unificada realizada pela Coligação dos Policiais Civis do Rio (Colpol-Rio) e Associação dos Peritos Oficiais do Estado do Rio (Aperj), Appol, Sindelpol e Sindpol, os policiais e peritos vinculados à Polícia Civil do Estado do Rio anunciaram a paralisação por tempo indeterminado a partir das 8h desta terça-feira, dia 17 de janeiro.

Os servidores protestam contra o atrasado no pagamento do salário de dezembro, o pagamento do décimo terceiro, e ainda aguardam o crédito de horas extras do segundo semestre de 2016 através do Regime Adicional de Serviço (RAS), além das premiações por metas alcançadas, desde o segundo semestre de 2015.  Os policiais e peritos engrossam a mobilização dos delegados, que decidiram, na última quinta-feira, pela paralisação dos serviços em todo o Estado do Rio de Janeiro.

Visitas estão suspensas durante o movimento

Ainda nesta segunda-feira, os agentes penitenciários também aprovaram a paralisação da categoria por tempo indeterminado em assembleia realizada no Bangu Campestre Clube. Apenas serviços como a alimentação de presos, emergências médicas e alvarás de solturas serão realizados. As visitas, por exemplo, estão suspensas.

Eles cobram o pagamento integral do salário de dezembro e do 13º salário, além de condições de trabalho adequadas. Na próxima segunda-feira, uma próxima assembleia será realizada para deliberação sobre o andamento da greve.


Mais do SFn