quinta-feira , 20 setembro 2018

Por débitos, energia é cortada em prédios alugados pela Prefeitura de São Fidélis A sede do Abrigo Municipal ficou sem energia e sem água

A sede do Abrigo Municipal ficou sem energia e sem água

Fotos: SF Notícias

A Prefeitura de São Fidélis vive uma crise. A atual gestão exonerou, pela segunda vez, trabalhadores que ocupavam cargos comissionados dentro da administração municipal. Quase 300 pessoas foram afetadas.

Além do corte de secretários e funcionários, essenciais para o funcionamento da cidade, a prefeitura também sofre com os cortes no fornecimento de energia em prédios alugados por ela. Houve corte nos prédios do Cras, Creas e Abrigo Municipal. Este último, segundo fontes do SF Notícias, também ficou sem água.

A informação foi confirmada pela Enel Distribuição Rio, concessionária responsável pelo fornecimento de energia na região. Segundo a empresa, o corte ocorreu por débitos da prefeitura com a companhia. A concessionária informou também que o fornecimento de energia já foi religado nos três prédios.


Mais do SFn