sexta-feira , 23 agosto 2019

Por telefone, PM orienta pai e ajuda a salvar vida de bebê engasgado, em Itaperuna O bebê de apenas 21 dias engasgou após ter sido amamentado e não recobrava os sentidos

O bebê de apenas 21 dias engasgou após ter sido amamentado e não recobrava os sentidos

Fotos: Divulgação PM

Uma policial militar do 29º BPM ajudou a salvar a vida de um bebê de apenas 21 dias, que estava engasgado, orientando o pai da criança por telefone. O caso aconteceu nesta segunda-feira (28/01), no bairro Aeroporto, em Itaperuna.

O pequeno Joaquim havia se engasgado após ter sido amamentado e não recobrava os sentidos. Desesperado, Lucas, pai da criança, ligou para o serviço de emergência da PM e foi atendido pela 3º Sargento Bruna.

Experiente mãe de duas filhas, a PM orientou Lucas a fazer a manobra de Heimlich. O pai seguiu as orientações da policial e instantes depois o bebê começou a recobrar os sentidos.

Enquanto isso, os policiais 1º SGT PM Gomes e CB PM Costa, que trabalham no endereço que pertence ao setor de patrulhamento, foram acionados e se deslocaram em emergência para auxílio do casal Letícia e Lucas, pais de Joaquim. No local, os agentes viram o desespero da mãe com o quadro do recém-nascido e os socorreram imediatamente para UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da cidade.

O bebê foi medicado, passa bem e já retornou para casa com os pais. Segundo a Sargento Bruna, por mais experiente que seja o profissional, não há como não se emocionar diante de um caso como esse. “Eu chorei durante o atendimento ao sentir o desespero dos pais” – relatou a PM.


Mais do SFn