quinta-feira , 8 dezembro 2016
previdência convenio médico miracema

Prefeitura de Miracema paga convênio médico, mas ainda deve à caixa previdência

previdência convenio médico miracema 2
Fotos: SFnotícias

A prefeitura de Miracema efetuou na tarde desta sexta-feira dia o pagamento do débito com o convênio de assistência médica dos servidores, conhecido como CAMEDS.

O pagamento foi efetuado três semanas após a publicação de uma matéria feita pelo SFnotícias, e por determinação da justiça. Reveja a matéria no link abaixo.

Prefeito de Miracema não repassa verba e aposentados não irão receber

O valor pago, quase trezentos mil reais, é referente à parte do servidor que é descontado em folha, e que a prefeitura não repassava há quatro meses. Segundo a prefeitura, atualmente é descontado 3% no salário do servidor e outra parte no mesmo percentual, o município paga.

Outra dívida

A prefeitura de Miracema ainda não efetuou o repasse à Caixa de Assistência, Previdência e Pensões dos Servidores (CAPPS), que é mantida com a contribuição de 1.300 servidores municipais e de verba do município. Ela é um sistema próprio de previdência da cidade.

caixa previdemcia 2No início do ano, aposentados e pensionistas de Miracema começaram a receber cartas que anunciando a suspensão dos pagamentos das aposentadorias, devido a prefeitura não está repassando o que é descontado no contracheque dos servidores.

Segundo a assessoria de comunicação da prefeitura, nos próximos dias será divulgado um posicionamento quanto à dívida com o CAPPS, já que o município discorda dos valores que estão sendo cobrados e divulgados amplamente.

O município também alega que o CAPPS pediu que fosse aumentado o percentual a ser descontado dos servidores de 3% para 6%, e que a direção da instituição fez uma solicitação para que pudesse gastar cerca de mais de 1.800,000,00 (Um milhão e oitocentos mil reais), como suplementação de verba, e que o dinheiro sairia dos cofres municipais, já que a entidade está gastando acima do permitido na taxa de administração que é de 2%.

prefeitura de miracemaA assessoria de comunicação informou ainda que o prefeito não concorda com a proposta apresentada pelo CAPPS, e que ão enviou a mesma à câmara para aprovação. Enquanto isso, existe uma ação do Ministério Público de improbidade administrativa, que o Tribunal de Justiça acatou e prevê multa de 3.000 reais por dia para o prefeito Juedir Orsay do partido Solidariedade (não para o município, caso o mesmo não faça os repasses.

“Para onde está indo o dinheiro que é descontado ? Só na minha casa é descontado 600 reais”, disse uma das leitoras que procurou nossa redação.

SFn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *