Primeira vez na escola: Conheça algumas atitudes que podem contribuir com os pequenos que iniciam esse jornada Simples atitudes dos pais, educadores e parentes podem tornar menos traumático o período de adaptação das crianças na escola.

Simples atitudes dos pais, educadores e parentes podem tornar menos traumático o período de adaptação das crianças na escola.

Fotos: Reprodução

Muitas escolas no Brasil inteiro darão início ao ano letivo 2020 nesta segunda-feira (03-02). A euforia e a vontade de matar saudade dos amigos de classe toma conta das crianças e adolescentes, mas e os pequeninos que enfrentarão esse novo mundo pela primeira vez? O que eles sentem? E os pais, Estão preparados também para essa caminhada?
O SF Notícias conversou com Juliana Paes, Especialista em educação e diretora da Escola Batista de São Fidélis, para ela, o período em que a criança começa a frequentar a escola é muito especial não só para as crianças mas também para os familiares, professores e demais funcionários da escola.
Tudo é novo, tudo precisa ser descoberto. Para isso, tempo, paciência, abertura ao novo e ao diálogo são elementos que precisam estar presentes.” Disse Juliana, que ainda fez uma comparação com os adultos.
Quando iniciamos um trabalho novo ou quando vamos a um lugar desconhecido, sem saber ao certo o caminho que devemos percorrer, como nos sentimos? Alguns responderão ansiosos, outros angustiados, todos apreensivos. Esse é um exemplo simples de como a novidade pode mexer com as pessoas adultas; com os pequenos isso não é muito diferente.”

A postura dos adultos de referência (pai, mãe, avós ou quem exerce a função de educar, cuidar, proteger, prover e amar os pequenos), é de auxiliar nesse processo e algumas simples atitudes podem facilitar e muito a adaptação da criança na escola como:

• Cumprir os horários determinados para esse período;
• Conhece a rotina e horários da escola;
• Repassar todos os detalhes da rotina dos filhos aos professores (suas preferências);
• Conversa com a criança explicando o que está acontecendo, passando segurança na voz e postura;
• Compreende que a socialização e todas as oportunidades de aprendizagem que a escola praticará com a criança serão benéficas para o desenvolvimento infantil;
• Compreende que a escola oportuniza rotina, situações desafiantes de aprendizagem e regularidade das pessoas que educam e cuidam dos pequenos, o que é muito saudável.

Muitos pais também precisam se adaptar a distância dos filhos e os confiar aos educadores, o que algumas vezes, não é assim tão fácil, para isso, Juliana tem algumas dicas também.
As dúvidas, por mais simples que você as considere, devem ser esclarecidas. Não tenha vergonha de demonstrar como se sente com a permanência de seu filho na escola, pois os profissionais que o atenderão conhecem o desenvolvimento infantil e poderão ajudá-lo nesse processo.

Para finalizar, a dica de ouro.
Não ceda as chantagens, não se culpe e tenha consciência de que os pequenos perceberão sua postura segura e confiante!

Juliana Paes é diretora da Escola Batista de São Fidélis que é referência na educação infantil da cidade, tem como diferencial a educação integral do aluno, baseada em princípio e valores Cristãos.
Para saber mais sobre a escola você pode visitar a mesma que fica na rua Cel. João Sanches, 139, centro, São Fidélis-RJ onde você poderá conhecer o espaço físico, os profissionais de educação e a metodologia de ensino da unidade educacional.
.

Mais do SFn