Procon notifica Enel a prestar esclarecimentos sobre desligamento de energia na Ipuca e Cristo Rei Cerca de 2.900 clientes ficaram sem luz por mais de 8 horas na última sexta-feira (14) devido à cheia do Rio Paraíba do Sul, já que a linha de transmissão passa sobre o rio; moradores que tiveram prejuízos devem procurar o Procon

Cerca de 2.900 clientes ficaram sem luz por mais de 8 horas na última sexta-feira (14) devido à cheia do Rio Paraíba do Sul, já que a linha de transmissão passa sobre o rio; moradores que tiveram prejuízos devem procurar o Procon

Fotos: Reprodução/ SF Notícias

O Procon de São Fidélis, Norte Fluminense, através do superintendente, Adriano Azevedo, notificou a Enel Distribuição Rio, nesta segunda-feira (17/02) a prestar esclarecimentos sobre a interrupção no fornecimento de energia na Ipuca e Cristo Rei. Na última sexta-feira, houve desligamento da rede que abastece o segundo distrito, devido à elevação do Rio Paraíba do Sul, já que a fiação passa sobre o rio, próximo à água. A Enel informou na ocasião que a medida era para a segurança da população do município, para evitar riscos de choques, curtos-circuitos e outros acidentes na região. O desligamento, segundo a empresa, afetava cerca de 2.900 clientes. Em um vídeo publicado em uma rede social o superintendente do Procon afirma que moradores relataram ter ficado das 13h às 22h sem luz. (continua após o vídeo)

Na notificação, o Procon pede informações sobre a interrupção no fornecimento e alega que o ato fere o código de defesa do consumidor no Artigo 20, da lei 8.078, ocasionando vício na prestação do serviço continuada. O superintendente pede para que os clientes que se sintam lesados, procurem o Procon, apresentando alguma prova. Na última sexta, o nível do Rio Paraíba do Sul chegou a 5,16 metros, a maior cheia desde 2016, quando o nível do mesmo chegou a 5,20 metros. O nível voltou a baixar no fim de semana e na última medição divulgada pela Defesa Civil  neste domingo (16) estava em 4,10 metros.

Mais do SFn