sexta-feira , 22 setembro 2017

Professor da Universidade de Aukland, da Nova Zelândia, dá palestra na Faculdade São Fidélis

2
Fotos: Divulgação.

No último dia 08 o Doutor Barry Hughes, professor de Ciência Cognitiva na Universidade de Aukland, na Nova Zelândia, esteve em São Fidélis para dar uma palestra na Faculdade São Fidélis (FSF) através do GRUPO CENSUPEG (Centro Nacional de Pesquisa, Extensão, Graduação e Pós Graduação). O tema foi relacionado à cegueira e braille em três disciplinas: educação, psicologia e neurociências.

A palestra trouxe indicadores que mostram que o braille vem sendo menos utilizado nas duas últimas décadas, mesmo existindo pesquisas que apontam que a alfabetização em braille é o mais forte indicador de sucesso profissional para deficientes visuais e que mais de 80% de profissionais com deficiência visual são leitores de braille. As publicações de Barry Hughes tratam da substituição sensorial, dos mecanismos táteis ativos, da percepção de texturas e do que os movimentos dos dedos revelam sobre como a mente lê o braille.

3O encontro também foi marcado pela realização de um networking acadêmico sobre neurociências, psicologia e educação, onde os pesquisadores do Laboratório de Inovações Educacionais e Estudos Neuropsicopedagógicos (LIEENP) da FSF debateram com o professor Barry possíveis parcerias da instituição com a Universidade de Aukland.

O networking serviu como um estímulos para pesquisas já iniciadas sobre metodologias ativas de aprendizagem por professores da FSF, sobre neuropsicopedagogia, música e deficiência visual; avaliação da linguagem oral e escrita na perspectiva da foto linguagem, entre outros assuntos.

Todo conteúdo do evento pode ser encontrado no canal do Censupeg Brasil no youtube.


Mais do SFn

SFn