Professores paralisam atividades por falta de pagamento na principal escola de Aperibé A unidade atende aproximadamente 700 alunos

A unidade atende aproximadamente 700 alunos

Professores da Escola Municipal Casimiro Moreira da Fonseca, a principal unidade escolar de Aperibé, decidiram paralisar as atividades nesta sexta-feira (09/11). O motivo é o atraso no pagamento do mês de outubro. De acordo com os professores, os atrasos são constantes.

A unidade atende aproximadamente 700 alunos. A escola possui três turnos, atendendo alunos do fundamental 1 e 2, do 1° ao 9 ° ano e o EJA. Ainda de acordo com os professores, todos os funcionários da escola estão com o pagamento atrasado, mas apenas os mestres aderiram à paralisação.

A paralisação foi comunicada na página oficial da escola nesta quinta. “Em respeito aos senhores Pais/Responsáveis por nossos alunos, comunico que amanhã, 09/11/2018 (Sexta-feira) os professores desta instituição escolar estarão paralisando suas atividades por falta de pagamento. Pedimos que compreendam a situação“.

“Tomamos essa iniciativa porque o prefeito interino alega que não tem dinheiro para nos pagar, mas nos últimos dias ele contratou pessoas para ocupar cargos com altos salários”, disse um professor que preferiu não se identificar.

Nossa redação não conseguiu contato com a Prefeitura de Aperibé. Deixamos o espaço aberto caso a administração queira se pronunciar.


Mais do SFn