terça-feira , 14 agosto 2018

Pureza sem sinal de telefonia móvel

Moradores de Pureza,  3º Distrito de São Fidélis no Norte Fluminense, voltaram a ficar sem sinal de telefonia móvel desde a última quarta-feira (14), quando os equipamentos foram lacrados e o sinal suspenso por técnicos da Anatel( Agência Nacional de Telecomunicações).  A suspensão do sinal por parte da Anatel, teria partido de uma denúncia feita no Ministério Público, o qual levou o caso até a Anatel.

O Vice-Prefeito Magno Rocha, disse que a torre não é ilegal e que a prefeitura possui documentos que comprovam isso. Segundo Magno, a única coisa que está faltando é a homologação do equipamento junto a Anatel e que teria esperado terminar os testes que estavam sendo feitos em outras localidades para fazer a homologação de todos juntos, ou seja, tudo em uma frequência só, o que ficaria mais barato pra prefeitura.

Magno disse ainda que já está em faze avançada os testes de frequência nos distritos de Cambiasca, Colônia e na localidade de Valão dos Milagres, mas devido a denúncia, a prefeitura terá que trabalhar de uma forma diferente. O caso já está sendo discutido na justiça e toda a documentação necessária está sendo preparada. Magno concluiu dizendo que o problema já está sendo resolvido, mas que pode levar entre 60 há 90 dias ou até mais para ser resolvido.telefon

Essa não é a primeira vez que os moradores de Pureza ficam sem sinal. Uma promessa feita durante as eleições e só cumprida esse ano, provocou uma revolta dos moradores e até matérias em outros meios de comunicação da região. Na época tinha sido prometido a instalação da torre, mas como a mesma demorou a ser instalada, os moradores ficaram indignados.

Os moradores do distrito, estão marcado uma manifestação para o próximo domingo (18) a partir das 09h da manhã com concentração na ponte.

Nossa redação entrou em contato com Anatel, mas até o fechamento dessa matéria, não fomos respondidos.

Fotos/ Ramon Cardozo


Mais do SFn