Rio Pomba continua subindo em Pádua; hospital foi evacuado Nível do rio está 84 centímetros acima da cota de transbordo. Vazão na represa Barra do Braúna está em 831m³/s. A previsão é de que o rio continue subindo durante toda madrugada

Nível do rio está 84 centímetros acima da cota de transbordo. Vazão na represa Barra do Braúna está em 831m³/s. A previsão é de que o rio continue subindo durante toda madrugada

Pela segunda vez, o Rio Pomba transbordou este ano em Santo Antônio de Pádua, no Noroeste Fluminense. A cota de transbordo no município é de 5 metros, e no começo da noite desta quinta-feira (13) o nível do rio estava em 5.84 m. Em um novo comunicado feito nesta noite, a Prefeitura de Pádua informou que a vazão na represa Barra do Braúna está em 831 m³/s, e que a previsão é de que o rio continue subindo durante toda madrugada. Assim como no primeiro transbordamento, o Hospital Hélio Montezano de Oliveira foi evacuado, já que ele fica em uma área atingida pela inundação. Uma unidade de atendimento médico foi montada no CIEP 469 Anaíde Panaro Caldas. No mesmo local, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Assistência Social atende os desabrigados e desalojados. Ruas dos bairros Aeroporto, Cidade Nova, Cehab, Beira Rio, Carvalho, Mirante e Centro já estão inundadas. (continua após o vídeo)

Ainda de acordo com a Prefeitura, a Secretaria Municipal de Agricultura, em parceria com a EMATER-RIO, está desobstruindo estradas vicinais por todo município, além de fornecer auxílio aos produtores rurais afetados pelas chuvas. Já a Secretaria Municipal de Obras vem trabalhando em conjunto com todas as secretarias, auxiliando no transporte dos atingidos, equipamentos médicos do Hospital Hélio Montezano de Oliveira e mão de obra no auxílio as vítimas. A Guarda Civil Municipal está pelas ruas orientando os motoristas e interditando todos os pontos de alagamento. A orientação para moradores de áreas de risco é de buscar abrigo em locais seguros e acionar os órgãos competentes pelos telefones 199, (22) 3851-2165 (Defesa Civil) ou 193 (Corpo de Bombeiros). Há três semanas o Rio Pomba transbordou na cidade e, após dois dias, o nível que atingiu a marca de 6.06 m votou a sua calha normal. Naquele período, cerca de 100 famílias tiveram que sair de suas casas. (continua após a foto)

Além do transbordamento do rio, Pádua também foi atingida por uma forte chuva durante toda a madrugada e manhã desta quinta. Houve registros de pontos de alagamentos, de deslizamentos de terra e de quedas de árvores. O Córrego do Lambari transbordou e ruas ficaram inundadas nos bairros Gabry e Monte Líbano. O Valão do Suíço também transbordou no bairro Glória. O nível do valão que corta o bairro Cidade Nova também subiu. A Prefeitura de Pádua suspendeu as aulas da Rede Municipal de Ensino nesta quinta e sexta (14) (reveja AQUI).

Mais do SFn