quarta-feira , 23 agosto 2017

Ruas de dois séculos surportam tráfego dos dias de hoje em São Fidélis

fgiegfuhou

Poucos anos após a sua fundação, há mais de 200 anos, São Fidélis ganhou de seus fundadores Freis Ângelo e Victório, um projeto urbanístico para suas ruas. Esse projeto foi feito para o que é, hoje, a região do centro da cidade. Ele foi seguido e jamais modificado. Isto é, o mesmo traçado e largura das ruas de 200 anos atrás, é o que vemos hoje.

A cidade, logicamente cresceu e continua crescendo, mas seu plano urbanístico continua o mesmo. Conclusão: impraticável a sustentabilidade dessa situação, visto que, em apenas 3 anos recentes (2010 a 2013)a quantidade de veículos emplacados em São Fidélis, cresceu cerca 20%. De 11.739 veículos em 2010, hoje circulam 14.513.

O recente esforço do poder público de ordenar o caótico trânsito em São Fidélis, foi em vão. Primeiro, porque não se completou o projeto original e, segundo, porque os condutores fidelenses estão muito aquém de serem considerados profissionais: pouquíssimos possuem (em especial os motociclistas) habilitação, e menos ainda os que obedecem quaisquer regras de trânsito.

ryn57n68nityygfu6ursxurO caos é engrossado pelos veículos de carga, quase sempre de fora da cidade, que fazem fila dupla na certeza de nada lhes acontecerá. Enquanto isso, as estatísticas de acidentes de trânsito com vítimas, crescem.

Sabemos que um grade número de veículos com placas de outros estados (principalmente do Espírito Santo) circulam todos os dias em nossa cidade. Esses carros são de moradores de nossa cidade, mais são emplacados em outros estados devido o valor alto do IPVA que é cobrado no Estado do Rio de Janeiro.

Veja o quadro do números de veículos emplacados em São Fidélis:

tabela de carros emplacados

Matéria Reproduzida do Folha da Cidade

 


Mais do SFn

SFn