segunda-feira , 22 outubro 2018

Seca em São Fidélis gera prejuízo estimado em 3 milhões

seca cantagalo 5
Fotos: Vinnicius Cremonez / Manuela Escalla

Cada dia que passa a situação se agrava em São Fidélis, que é um dos maiores municípios em extensão territorial do estado do Rio de Janeiro. A cidade foi a primeira a decretar situação de emergência, e agora espera a ajuda do governo para recuperar o que foi perdido.

No decreto de n° 3.181 publicado no dia 30 de setembro pelo prefeito Luiz Carlos Fernandes Fratani, o Fenemê, diz que o desastre superou a sua capacidade de gestão pública, e que seriam necessários cerca de R$ 3 Milhões de reais para realizar obras emergências e outras ações, para que possa amenizar a situação do município. Para se ter uma ideia do prejuízo causado pela estiagem, em julho de 2013 foram produzidos 325.228 litros e no mesmo período deste ano, foram apenas 248.166 litros de leite produzidos.

Antes do decreto um levantamento feito pela EMATER-RIO, apontou uma redução de 40% da produção leiteira e 30% de perda na lavoura e produção olerícola, além de um impacto iminente no aumento da perda no peso e índice reprodutivo do gado de corte e leiteiro(pecuária) estimado em 30%.

seca cantagalo 3Esse número já cresceu, e segundo o secretário de agricultura de São Fidélis, Gilberto Hentzy, a produção de leite foi reduzida em 80% de sua capacidade, e mais de 1.100 animais já morreram, e que esse número cresce a cada dia que passa.

Está cada vez mais comum ver caminhões  transportando cana de Campos para São Fidélis. Numa forma de tentar ajudar os produtores, a prefeitura de São Fidélis colocou a disposição seis caminhões para puxar cana de usinas de Campos para o município, já que a fonte de alimento mais barato nesse momento, mas que já começa a ficar cara devido a grande procura.

A quantidade de caminhões é pequena e não é possível atender a todos os produtores do município, e aqueles que não conseguem a ajuda dos caminhões da prefeitura, estão bancando o transporte por conta própria.

seca paraíba 7Em qualquer parte do município é possível ver os rastros deixado pela seca. Animais mortos, o Rio Paraíba do Sul encolhendo cada vez mais e lagos e açudes secando, como um lago que fica em frente ao matadouro municipal na RJ 158 entre São Fidélis e Campos, que está secando a cada dia que passa.

Antes era comum ver pessoas pescando nesse lago, mas assim como muitos outros lagos espalhados pelo território fidelense, o local está cada vez mais vazia e desaparecendo.

 

seca paraíba 6


Mais do SFn