sexta-feira , 14 dezembro 2018

Seca na região: Cambuci entra para a lista de cidades que declararam situação de emergência No município, a produção leiteira, a lavoura e a produção de carne sofreram perdas de mais de 40%

No município, a produção leiteira, a lavoura e a produção de carne sofreram perdas de mais de 40%

Fotos: SF Notícias

Plantações e rios secando, queimadas, morte de animais. A cada dia aumentam as consequências da estiagem que assola a região. Nesta terça (24/10), o município de Cambuci foi levado a declarar situação de emergência, tal como outros 12 municípios do Norte e Noroeste do Rio.

No decreto, a Prefeitura relata que desde junho foram registrados apenas 55,4 mm de chuva na cidade, bem abaixo da média histórica de 120 mm, segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). A ausência de chuva está ocasionando a insuficiência na recarga dos mananciais, comprometendo o armazenamento de água e causando sérios problemas no abastecimento para consumo humano e animal.

Ainda de acordo com o decreto, houve perda aproximada de 60% na produção leiteira, 50% na lavoura e 40% de queda na produção de carne bovina. Em Cambuci, as queimadas decorrentes da estiagem já consumiram 2100 hectares da vegetação. A saúde da população do município também está sendo prejudicada, com aumento de internações por problemas respiratórios e urinários. Em alguns distritos, o abastecimento de água está sendo feito por caminhões pipa.

Além de Cambuci, Bom Jesus do Itabapoana, Cardoso Moreira, Italva, Itaocara, Laje do Muriaé, Miracema, Natividade, Santo Antônio de Pádua, São Fidélis, São João da Barra, São José de Ubá e Varre-Sai já decretaram emergência.


Mais do SFn