sexta-feira , 15 dezembro 2017

Sicoob Fluminense inaugura agência em São Fidélis no próximo dia 27 Cooperativa atua no sistema financeiro como banco, sem taxas de manutenção e capitalizando dinheiro que ainda pode ser resgatado a qualquer momento

Cooperativa atua no sistema financeiro como banco, sem taxas de manutenção e capitalizando dinheiro que ainda pode ser resgatado a qualquer momento

Gil Menezes, consultor da Agência fidelense

A relação Bancos x Clientes, nunca foram das mais amigáveis no Brasil. Qualidade, mau atendimento e principalmente o preço dos serviços prestados, são as principais queixas dos usuários. Só em 2016 os três maiores bancos do país lucraram R$ 50,29 bilhões e a maior parte deste faturamento vem das taxas de serviço e dos juros altos cobrados por estas instituições.

Agora imagina um banco que pensa diferente, um banco que divide seus lucros com os seus clientes, isso seria possível? Para o Sicoob sim!

“O Sicoob não é um banco, é uma cooperativa com serviços bancários, isso faz toda a diferença”. – Começou explicando Neilton Ribeiro, presidente do Sicoob Fluminense. “Como somos uma cooperativa, nossa meta não são os lucros e sim os associados, que são parte da instituição não apenas clientes, eles recebem em benefício tudo aquilo que investem. Por exemplo: Em um banco tradicional o cliente paga a taxa de manutenção de conta e ainda é cobrado por todos os serviços que usam; Emissão de boletos, extratos, saquem e por aí vai… Tudo que você faz no banco é taxado, além dos valores serem muito altos. Já no Sicoob você não paga taxa de manutenção de conta, você capitaliza mensalmente e é o que te dá o direito de ter acesso a uma conta bancária, as transações bancárias são realizadas com custo bem menor, e no final ainda se participa do lucro da empresa enquanto associado.” – Finalizou.

Além disso, são oferecidos outros serviços que bancos não oferecem já que que se trata de uma cooperativa, como plano de saúde, plano odontológico, desconto em várias universidades conveniadas e até mesmo seguros para bombeiros e policiais militares, que geralmente não são aprovados por bancos convencionais, e ainda com a previdência privada mais barata de mercado, pagando a menor taxa de administração.

Para a alegria dos fidelenses, o Sicoob Fluminense estará inaugurado uma agência na cidade no próximo dia 27 junho. A proposta é de colaboração junto a órgãos como, Associação Comercial Industrial e Agrícola, e poder público, visando o desenvolvimento local. Antes mesmo da inauguração, a cooperativa que funciona com operações no sistema financeiro, já possui 159 associados na cidade. Para Gil Menezes, que será o consultor da unidade fidelense o Sicoob trará mais que serviços: “Queremos levar qualidade de serviços e consequentemente qualidade de vida, além da possibilidade de ganhos no lugar de apenas custos”.

Com mais de oito mil associados e 13 pontos de atendimentos em todo o estado do Rio de Janeiro, os próximos pontos de atendimento do Sicoob como projeto abrangem são; Nova Friburgo e Santo Antônio de Pádua, além de uma nova agência em Campos dos Goytacazes, cumprindo a demanda em Guarus.

Para ser um associado, basta entrar com um valor de capital de R$60, e realizar depósitos de dois por cento do salário em sua própria conta do Sicoob, sendo que a qualquer momento que o associado quiser deixar a cooperativa, ele resgata todo o valor depositado e o capital investido. . Já para pessoas jurídicas, o valor de capital é de R$100, e os depósitos de 10% no valor do salário mínimo. Ainda podendo ser realizadas portabilidades de contas de um banco para o Siccob Fluminense


Mais do SFn