terça-feira , 21 novembro 2017

Tartarugas aparecem mortas em praia da região Nove animais foram encontrados mortos espalhados ao longo da praia, um deles da espécie mais ameaçada de extinção

Nove animais foram encontrados mortos espalhados ao longo da praia, um deles da espécie mais ameaçada de extinção

Fotos: Vinnicius Cremonez

Nove tartarugas apareceram mortas na manhã deste sábado (21/01), na Praia de Guaxindiba, em São Francisco de Itabapoana.

Os animais foram encontrados espalhados ao longo da praia, que é área de reprodução e desova. Segundo informações do Projeto Tamar, que faz o monitoramento na região, elas podem ter sido arrastadas por redes de pesca ou por um espinhel, uma série de anzóis juntos.

A maior tartaruga encontrada morta (foto ao lado) é da espécie Pente, uma das espécies mais ameaçadas de extinção. Antigamente, seu casco era utilizado para fazer jóias. Após a realização da autopsia nas tartarugas, elas foram enterradas próximas ao farol de Guaxindiba.

O Tamar atua na região norte fluminense desde 1992. A base de pesquisa e conservação monitora aproximadamente 105 km de praias, abrangendo os municípios de Campos dos Goytacazes, São João da Barra e São Francisco de Itabapoana.


Mais do SFn