Segundo Anatel, a torre de celular em Pureza é ilegal

Como já noticiado em nosso portal, Os moradores de Pureza,  3º Distrito de São Fidélis no Norte Fluminense voltaram a ficar sem sinal de telefonia móvel desde a última quarta-feira (14), quando os equipamentos foram lacrados e o sinal suspenso por técnicos da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações).  A suspensão do sinal por parte da Anatel teria partido de uma denúncia feita no Ministério Público, o qual levou o caso até o órgão.

Em uma nota enviada a nossa redação, a assessoria de imprensa da Anatel disse que a estação repetidora pertencente à prefeitura é ilegal porque não possui qualquer autorização e o equipamento também não esta homologado ao órgão.

Na ocasião o Vice-Prefeito Magno Rocha, disse que a torre não era ilegal e que a prefeitura possuia os documentos que comprovavam isso. Segundo Magno, a única coisa que  faltava é a homologação do equipamento junto a Anatel e que estaria esperado terminar os testes que estavam sendo feitos em outras localidades para fazer a homologação de todos juntos, ou seja, tudo em uma frequência só, o que ficaria mais barato pra prefeitura.

Foto/Ramon Cardozo


Mais do SFn