poeira alergia 3

Trânsito intenso de carretas prejudica a saúde de moradores em São Fidélis

poeira alergia 2
Fotos: SF Notícias

Tudo começa com uma coceira irritante no nariz que evolui e para uma crise de espirros. Os olhos ficam vermelhos, a garganta também se irrita, quando o tempo está seco tudo isto piora. Para quem já possui algum tipo de alergia respiratória como a rinite, por exemplo, a situação se agrava.

Outro fator que resulta em tosses, espirros, coceira nos olhos, nariz e garganta é a poeira levantada pelos carros e caminhões em vias públicas. Os pedestres estão expostos a este agente prejudicial e muitas vezes não reconhecem seus perigos. Em São Fidélis, por exemplo, a poeira causada pelas diversas carretas que cortam o município, principalmente pelas ruas Dr. José Francisco, Duque de Caxias, Euclides da Cunha e Emygdio Maia Santos, prejudica a saúde da população. Muitas dessas carretas, transportam materiais para a fabrica de cimento da Região Serrana do Estado.

Luiz Carlos Duarte Pessanha, biólogo especialista em análises clínicas e professor de imunologia, explica que em geral as alergias respiratórias tem um fundo genético. “Na verdade as alergias em geral são um excesso de resposta imune a um agente estranho ao organismo. Normalmente a exposição contínua a um destes agentes faz desencadear uma crise alérgica. Os fatores mais comuns são poluição, ou seja, poeiras, fuligem, fumaças de veículos”.

poeira alergia 1Essa grande quantidade de carreta passando pela cidade preocupa moradores e comerciantes. “Toda hora tenho que ficar limpando a casa pra tirar essa poeira deixada pelos caminhões. Isso faz mal. Fico imaginado quem tem comércio nas principais ruas da cidade”, disse Helena Oliveira, que mora em um apartamento no Centro.

Luiz Carlos alerta também sobre um hábito de quando as temperaturas caem: “Um erro que as pessoas cometem é que no tempo frio colocam roupas que ficam guardadas sem antes lavar. Ora, os ácaros são precipitadores de crises respiratórias”.

poeira alergia 4Sobre os que já possuem alergia ele afirma: “Toda pessoa que tem alergia respiratória tem que identificar o que provoca crises e evitar o contato como, por exemplo, alguns cheiros”. Ele diz ainda que o fundamental é manter o ambiente limpo e arejado e nunca varrer a casa, passar um pano úmido para evitar levantar poeiras e beber muita água.

Segundo ele , durante uma crise alérgica a principal coisa a se fazer é procurar imediatamente o pronto atendimento médico, por isso é importante o paciente conhecer o fator que provoca a sua crise. “Alergia não tem cura, mas tem controle. As crises respiratórias são muito sérias e em alguns casos pode colocar o paciente em risco além de fazer sofrer”.

poeira alergia

SFn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *