Transporte de estudantes garantido temporariamente

Após três dias de protestos, manifestações de pais e alunos e muita confusão, a administração pública volta atrás na decisão de não levar os estudantes que não conseguiram o cadastro na Secretaria de Educação; e anuncia que todos os alunos serão conduzidos pelo menos neste primeiro momento.

GEDSC DIGITAL CAMERA
Secretário da Fazenda: Ricardo Freitas

Aconteceu, ontem (13/03), na câmera dos vereadores, uma reunião onde compareceram além dos vereadores o Secretário de Fazenda, Ricardo Rocha de Freitas, o vice-prefeito, Magno Rocha e aproximadamente 80 pessoas entre alunos, pais onde foi exposto ao público o que a prefeitura pretende fazer para amenizar o problema.

Segundo o vice-prefeito, todos os alunos que hoje são um pouco mais de mil pessoas, serão transportados mesmo que para isso seja necessário o aluguel de ônibus terceirizados, e que a prefeitura já está providenciando a compra de novos ônibus.  Magno Rocha disse ainda que o prefeito sugeriu a criação de uma comissão de alunos que teria livre acesso ao gabinete para discutir o assunto.

Porém, essas medidas são paliativas até que a prefeitura tome as seguintes medidas:

Será feito um novo recadastramento econômico e social onde o estudante deverá declarar sua renda, bens e propriedades para uma comissão da assistência social da prefeitura que avaliará quem tem direito ou não ao transporte. As regras serão planejadas por uma frente de trabalho que segundo a proposta será composta da seguinte forma: 2 representantes da Sec. de Educação, 1 representante da Sec. de Planejamento, 2 representantes da Câmera de Vereadores, 1 representante do Clube de Leões, 1 representante do Rotary, 1 representante da ACIASF, 1 servidor e 1 representante da maçonaria.

GEDSC DIGITAL CAMERA
Vereador Rogerinho

Segundo o Secretário de Fazenda, a prefeitura manterá o transporte dos estudantes mesmo reconhecendo a precariedade do serviço. Porém, estão buscando um possível financiamento junto ao BNDES e  o Banco do Brasil no valor de 4 (quatro) milhões de reais para a compra de 10 novos ônibus. Ainda segundo o Secretário,  mesmo com a aquisição de ônibus e outras medidas, a prefeitura não tem capacidade técnica e financeira para atender a todos os alunos da cidade, pois se a prefeitura conseguir , serão no máximo 600 vagas e hoje a cidade conta com um pouco mais de mil alunos.

O Vereador Rogerinho, subiu à tribuna e disse está confiante que o caso será resolvido da melhor maneira possível.

 


Mais do SFn

SFn