TRE cumpre mandado de busca e apreensão na prefeitura de Itaocara

ITAOCARA PREFEITURA
Foto: Vinnicius Cremonez

Fiscais do Segundo Cartório da 106ª Zona Eleitoral (Itaocara) cumpriram na tarde de ontem um mandado de busca e apreensão na Prefeitura da Cidade.

Segundo a assessoria de comunicação do Tribunal Regional Eleitoral do Estado do Rio de Janeiro o mandado foi expedido pelo Juiz Rodrigo de Jesus após denúncias recebidas de que servidores da prefeitura estariam realizando atividades para o partido PSOL, durante o expediente de trabalho, com o uso das máquinas da prefeitura.

Os fiscais apreenderam cinco computadores da prefeitura que serão analisados e o relatório da fiscalização deverá ser enviado ao Ministério Público Eleitoral a quem caberá ajuizar as ações cabíveis. Nossa redação tentou entrar em contato com a Assessoria de Comunicação da Prefeitura mas não teve sucesso. Em sua página numa rede social, o prefeito publicou uma nota em nome do partido PSOL, informando que durante as buscas, nenhum material de campanha foi apreendido.

Em outro trecho o ele diz: “Por fim, em todos os ataques que sofremos saímos mais fortalecidos. E será assim mais uma vez. Calúnias não terão lugar. Nossa força vem das ruas e dos morros. Dos trabalhadores e da juventude que defendem uma política radicalmente diferente.” O manifesto é assinado como PSOL Itaocara.


Mais do SFn