Tucano é agredido a pedradas em Cantagalo Animal foi resgatado pelo Corpo de Bombeiros e levado para uma veterinária; Ele corre o risco de perder a asa

Animal foi resgatado pelo Corpo de Bombeiros e levado para uma veterinária; Ele corre o risco de perder a asa

Fotos: Arquivo pessoal

O ano de 2017 terminou com um ato de crueldade em Cantagalo. Um tucano foi agredido a pedradas na tarde do último dia 31 de dezembro. A ave estava em uma árvore nas proximidades de um clube da cidade.

O tucano foi resgatado pelo Corpo de Bombeiros e levado para a veterinária Josiane Leitão Abreu, que já cuidou de dezenas de animais resgatados pelos militares. Segundo ela, a asa da ave foi quebrada em várias partes. “Está muito inchado! Estou tratando e tentando arrumar material para operar o osso. Ainda tenho esperança!” – afirmou a veterinária.

Josiane afirma ainda que o tucano não ataca os humanos e não costuma se aproximar. “Estou muito triste, queria muito conseguir recuperar a asa para ele retornar à natureza! Somos privilegiados em ter essas aves aqui e o homem não dá valor!” – disse.

A veterinária conta que recebe diariamente animais agredidos pelas mãos humanas: “Recebi um tucano que veio a óbito por tiro de chumbinho”. Em um vídeo publicado em suas redes sociais, ela fez um apelo para que em 2018 as pessoas possam ter mais amor aos animais. “O ser humano tá destruindo tudo. Tá destruindo as matas, tá destruindo os nossos animais, com queimadas, com agressão. É o que eu peço, que respeitem mais esses seres porque nossas vidas dependem deles também”.


Mais do SFn