Turismo: Friburgo está entre 158 municípios do Brasil que receberão R$ 200 milhões em investimentos Petrópolis, Teresópolis, Búzios, Arraial do Cabo, Cabo Frio, Rio das Ostras e outras cidades do RJ também foram contempladas

Petrópolis, Teresópolis, Búzios, Arraial do Cabo, Cabo Frio, Rio das Ostras e outras cidades do RJ também foram contempladas

Fotos: Reprodução

Um grupo composto por 158 municípios brasileiros será o primeiro contemplado com um pacote de ações de investimentos, incentivos a novos negócios, acesso ao crédito, marketing, inovação e melhoria de serviços voltados para o setor de Turismo. Trata-se do Programa Investe Turismo. A iniciativa, desenvolvida pelo Ministério do Turismo junto ao Sebrae e a Embratur, tem por meta unir setor público e iniciativa privada para preparar e promover a competitividade de 30 rotas turísticas estratégicas em todos os estados brasileiros e no Distrito Federal.

O investimento inicial será de R$ 200 milhões. No Estado do Rio, os municípios contemplados são Rio de Janeiro, Petrópolis, Nova Friburgo e Teresópolis, que compõem a Rota Turística Rio Imperial. Já Búzios, Arraial do Cabo, Cabo Frio, Rio das Ostras, Saquarema, Angra dos Reis e Paraty fazem parte da rota Costa do Sol. 

As rotas turísticas selecionadas receberão ações organizadas em quatro linhas de trabalho que vão desde o fortalecimento da governança, por meio de uma agenda estratégica entre setor público e privado; melhoria dos serviços e atrativos turísticos, com foco especial nas micro e pequenas empresas; marketing e apoio à comercialização, por meio de campanhas, produção de inteligência mercadológica e participação em eventos estratégicos; até a atração de investimentos e o apoio ao acesso a linhas de crédito e fontes de financiamento. Os projetos visam o aumento da qualidade da oferta turística nas rotas selecionadas em todas as regiões brasileiras.

O programa também possibilitará a entrega de um Plano Integrado de Posicionamento de Imagem do Brasil, um Plano Nacional de Atração de Investimentos e também a implantação de um Mapa do Turismo Inteligente. Por meio de uma plataforma online, o mapa vai identificar e georreferenciar iniciativas inovadoras de empresas, instituições e órgãos públicos no setor de turismo de todo o Brasil. Gerar ambiente propício ao surgimento de novos negócios também é um resultado prioritário do programa.

 


Mais do SFn