quarta-feira , 7 dezembro 2016
2

UHE Itaocara e Fiocruz promovem dia de mobilização contra o aedes aegypti em Pádua

1
Fotos: Divulgação.

A Usina Hidrelétrica Itaocara S.A. e a Fundação Oswaldo Cruz realizaram na última quinta-feira (19.05) o primeiro dia de mobilização em apoio às secretarias municipais de saúde no combate ao mosquito aedes aegypti. Cerca de 200 pessoas participaram do evento na Praça Pereira Lima, no Centro de Santo Antônio de Pádua.

No local foram disponibilizados miscroscópios e lupas em uma tenda para que as pessoas pudessem verificar as várias fases do mosquito, as formas de contágio e os cuidados que a população deve ter para manter seu espaço livre de focos de criadouros. No Espaço Interativo, foram passadas informações sobre a importância da participação da população no combate ao transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus.

O evento teve execução técnica dos pesquisadores Waldemir Vargas, Gerusa Gibson e Alexandre San Pedro, e foi coordenado pelo professor e pesquisador Luciano de Toledo, da Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca, da Fundação Oswaldo Cruz. Na parte da noite, Luciano deu uma palestra no Colégio Almirante Barão de Teffé sobre os“desafios atuais para o controle da dengue, chikungunya, e zika na área de influência da UHE de Itaocara. No final, os pesquisadores esclareceram dúvidas da plateia.

Nos próximos meses, outros municípios receberão dias de mobilização da parceria UHE Itaocara e Fiocruz. O primeiro deles será Pirapetinga, no dia 31 de maio. Itaocara e Aperibé sediarão o evento nos dias 14 e 28 de junho, respectivamente. Já o dia da mobilização de Cantagalo está programado para 12 de julho.

SFn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *