Van fura pneus em rodovia, jogadores vestem uniformes na estrada e chegam a tempo de ganhar partida Na garra, o Paduano venceu o Roxinho por 2 a 1 e ainda teve um gol anulado

Na garra, o Paduano venceu o Roxinho por 2 a 1 e ainda teve um gol anulado

Fotos: Campos Atlético

De volta as competições profissionais, o Paduano Esporte Clube vem enfrentando diversas dificuldades, mas isso não é um empecilho para o time seguir em frente. Com apenas duas vitórias em oito jogos, o time de Santo Antônio de Pádua está na sexta colocação do grupo A da série C do Carioca. A equipe marcou apenas cinco e sofreu 13 gols.

Sem muito dinheiro, a equipe está se mantendo na competição com ajuda de algumas pessoas e com a dedicação dos jogadores que estão “dando a alma” pelo clube. A van que leva os jogadores para as partidas, por exemplo, foi cedida por uma empresa de Miracema.

Neste domingo o Paduano enfrentou o embalado Roxinho, que vinha de oito vitórias seguidas. O jogo estava marcado para as 15h em Campos, mas no meio do caminho, na RJ-158 entre São Fidélis e Campos, dois pneus da van furaram. Faltavam 40 minutos para o jogo quando a comissão do clube, que já estava em Campos, recebeu a notícia.

“Não tinha como consertar o estrago na van que levava os jogadores. Tivemos que conseguir uma van para ir socorrer o time. Eles [jogadores] tiveram que trocar de roupa na estrada e chegaram no estádio faltando apenas 15 minutos para a partida”, disse o presidente Rômulo Vieira.

Sem aquecimento e sem preleção, os jogadores entraram em campo e na garra, venceram o Roxinho por 2 a 1. Os gols do Paduano foram marcados por  Tuzinho e Clodoaldo. O time ainda teve um gol anulado por impedimento. “Metemos um gol pra cada pneu furado”, finalizou Rômulo.


Mais do SFn