terça-feira , 19 setembro 2017

Vereadores de Cantagalo discutem projeto de 14º salário dos servidores municipais Projeto de Lei nº28/2017 trata sobre a modificação na forma de pagamento do abono pecuniário denominado de 14º salário aos servidores municipais

Projeto de Lei nº28/2017 trata sobre a modificação na forma de pagamento do abono pecuniário denominado de 14º salário aos servidores municipais

Foto: divulgação

Vereadores de Cantagalo, representantes da Associação Comercial, Industrial e Agrícola e do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais das Autarquias e das Fundações do Município estiveram reunidos nesta segunda-feira (07/08) para debaterem sobre o Projeto de Lei nº 28/2017, de autoria do poder executivo, que visa modificar a forma de pagamento do abono pecuniário denominado de 14º salário dos servidores municipais.

A reunião serviu para aprofundar a discussão sobre o projeto e suas possíveis consequências, tanto para os servidores municipais como para o comércio local. Ficou acordado que o sindicado irá convocar uma assembleia geral para ouvir a opinião dos servidores de Cantagalo. Após o posicionamento do sindicato será realizada uma Audiência Pública para tratar sobre o tema, reunindo representantes do comércio cantagalense, servidores municipais, poder executivo e legislativo e população em geral.

O Projeto de Lei nº28/2017 trata sobre a modificação na forma de pagamento do abono pecuniário denominado de 14º salário aos servidores municipais, estipulando que o pagamento do abono seja realizado no mês de aniversário do servidor através de cartão magnético, sob a justificativa de desonerar a folha de pagamento do poder executivo municipal, além da perspectiva de beneficiar o funcionário municipal, já que tal abono não sofreria descontos no momento de seu pagamento, o que acontece atualmente.


Mais do SFn

SFn