terça-feira , 25 setembro 2018

Vítimas da tragédia de 2011 na Serra receberão mais de 1.700 casas Unidades habitacionais não custarão nada aos moradores

Unidades habitacionais não custarão nada aos moradores

Fotos: Reprodução

As vítimas da tragédia que atingiu a Região Serrana do Estado do Rio em 2011 serão beneficiadas com 1.728 casas do Programa Minha Casa Minha Vida. A portaria que vai viabilizar a construção foi assinada nesta segunda (19/03) pelo ministro das cidades, Alexandre Baldy.

As comunidades de Manguinho e Alemão também serão beneficiadas. Ao todo, serão construídas 4.508 unidades habitacionais, dentro do Programa. As obras, cujo investimento passa dos R$ 300 milhões, serão viabilizadas por recursos advindos do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR).

Com a publicação da portaria ministerial, prevista para esta terça-feira (20/03), no Diário Oficial da União, o Governo do Rio poderá fazer imediatamente os chamamentos públicos para a construção das moradias. O Governo ressaltou  que as famílias vítimas de desastres naturais não precisarão pagar pelas novas habitações.


Mais do SFn